Geral Polícia Civil - MS

Após trabalho policial repressivo, Campo Grande finda o mês de junho de 2024 sem registros de roubos em desfavor de farmácias e drogarias

No mês de junho de 2024, de acordo o Sistema Integrado de Gestão Operacional (SIGO), não houve registros de Roubos praticados contra Farmácias e Dr...

05/07/2024 às 16h57
Por: João Maria Fonte: Polícia Civil - MS
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Polícia Civil - MS
Foto: Reprodução/Polícia Civil - MS

No mês de junho de 2024, de acordo o Sistema Integrado de Gestão Operacional (SIGO), não houve registros de Roubos praticados contra Farmácias e Drogarias da capital. Tal resultado é fruto do trabalho das forças de segurança locais, que contaram com ações repressivas especializadas desenvolvidas pela DERF, que durante as diligências executadas realizou prisão em flagrante, identificou suspeitos, representou por prisões preventivas, cumpriu mandados de prisão, recuperou objetos subtraídos e responsabilizou receptadores.

EM ABRIL DE 2024, a Polícia Civil, por intermédio da DERF (Delegacia Especializada em Repressão a Roubos e Furtos) prendeu dois assaltantes identificados como autores de diversos roubos à mão armada em farmácias de Campo Grande. A dupla era investigada há meses pela DERF em operação contínua de repressão a esse tipo de crime no comércio.

Os dois assaltantes, que foram classificados como perigosos e instáveis visto que agiam com grave ameaça armados de faca e revólver, chegaram a roubar duas farmácias no mesmo dia em questão de minutos. Eles foram identificados como autores de sete roubos em farmácias da Capital, mas ainda é apurado o envolvimento deles em outros delitos em comércios do mesmo seguimento.
Um dos ladrões foi localizado e preso na cidade de Jaraguari-MS, com o apoio dos investidores daquela cidade. Já o outro criminoso foi capturado em Campo Grande também pela DERF.

EM MAIO DE 2024, a DERF prendeu um homem de 29 anos de idade que, num período de nove meses, roubou cerca de 30 farmácias da capital. Em levantamentos de análise criminal, apurou-se que os crimes foram praticados entre agosto/2023 a maio/2024, entre às 18 e 21h30min. O assaltante invariavelmente utilizava boné e máscara, tentando dificultar a identificação.

No dia 29/05, por volta das 20h, policiais da DERF flagraram o autor dos roubos em série, adentrando em uma farmácia na Avenida Coronel Antonino. O indivíduo anunciou o assalto fazendo menção estar armado com a mão na região da cintura e ordenou que os funcionários fossem para o fundo da loja, mandando que uma das atendentes pegasse o dinheiro do caixa. Após subtrair os valores, ele foi abordado e preso pelos investigadores de Polícia Civil.

Com o indiciado, os policiais apreenderam uma motocicleta utilizada na fuga após os roubos. Já na casa dele, situada no Bairro Jardim Carioca, foram apreendidas diversas peças de roupas utilizadas em outros assaltos. Interrogado, o autor confessou a prática dos delitos, alegando que praticava os roubos para sustentar o seu vício em drogas.

A DERF/MS reitera seu compromisso com a sociedade sul mato-grossense de reprimir crimes patrimoniais violentos.

Ele1 - Criar site de notícias